Análise de dados sobre postagens e documentos veiculados em Serviços de Redes Sociais On-line para informação sobre a covid-19

O objetivo foi analisar as postagens relacionadas à covid-19 em Serviços de Redes Sociais On-line por parte do Corpo de Bombeiros Militares, especialmente o caráter informativo desta instituição, com o propósito de identificar a relação entre postagens e documentos oficiais.

Como procedimentos metodológicos foram delimitadas as seguintes ações: coletar os dados das postagens; analisar os dados, incluindo o cálculo de representatividade de postagens com suporte de documentos, os serviços mais utilizados e os períodos das postagens; verificar os termos de classificação; e realizar a análise dos documentos oficiais. A amostra foi delimitada ao Corpo de Bombeiros Militar dos estados do Pará, do Ceará, de São Paulo, de Santa Catarina e de Goiás – no Facebook, no Instagram e no Twitter.

Os resultados apontam tempestividade na publicação de conteúdos nesses serviços nos primeiros dias. As publicações foram marcadas com termos da temática e do georreferenciamento. Identificou-se um baixo percentual de publicações ligadas a documentos oficiais: 5,05% do total analisado. Destacam-se o Instagram, com maior veiculação, e a atuação nos estados de Goiás, Santa Catarina e Pará.

Acesso ao texto completo

Autores

Fotografia de Fernando de Assis Rodrigues
Fotografia de Fernando de Assis Rodrigues
Fotografia de Jocivaldo Pereira Tavares
Fotografia de Jocivaldo Pereira Tavares
fernando
Dr. Fernando de Assis Rodrigues é professor na Universidade Federal do Pará, Brasil.

Leave a Reply