Ciclo de Palestras na Universidade Federal do Pará – Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva

Palestra do Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva Eventos

No dia 05 de setembro de 2019, a Universidade Federal do Pará (UFPA) teve a oportunidade de receber o professor Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva, da Universidade do Porto.

Esta oportunidade foi possibilitada pelo suporte do PROCAD Amazônia, representado pela professora Dra. Marise Teles Condurú, além do apoio das Faculdades de Biblioteconomia (FABIB) e Arquivologia (FAArq) e do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PPGCI).

As palestras foram proferidas no Auditório do Instituto de Geociências da UFPA, que gentilmente cederam o espaço e equipamentos para a realização das palestras.

O professor trouxe visões sobre as áreas de conhecimento: Ciência da Informação, Biblioteconomia e Arquivologia, trazendo temas metodológicos e de trajetória histórica destas áreas para o contexto de sustentabilidade e desenvolvimento regional.

Armando Malheiro

O professor Armando Malheiro é um pesquisador português com grande reconhecimento no Brasil e em outros países, com mais de 20 anos de parceria com pesquisadores nacionais de diversas áreas do conhecimento.

Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva
Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva

É professor catedrático lotado no Departamento de Ciências da Comunicação e da Informação da Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Além de possuir uma vasta publicação de artigos científicos e livros, formou inúmeros docentes e pesquisadores brasileiros. Suas publicações podem ser acessadas pelo seu ORCID: <https://orcid.org/0000-0003-0491-3758>.

Em 2016, o professor Armando Malheiro concedeu uma entrevista para Moises Rockembach, publicada posteriormente no periódico científico Em Questão, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. A entrevista pode ser acessada livremente pelo hiperlink: <https://seer.ufrgs.br/EmQuestao/article/view/70025>.

As palestras na UFPA

As palestras foram divididas em duas partes: uma no período matutino (voltada para alunos de pós-graduação) e uma no período vespertino (voltada para alunos de graduação). A entrada foi franca e sem pré-requisitos para o ingresso.

  • Palestra do Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva
  • Palestra do Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva
  • Palestra do Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva
  • Palestra do Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva
  • Palestra do Prof. Dr. Armando Manuel Barreiros Malheiro da Silva

Período matutino: Uma (Re)Descoberta Metodológica: A proposta para as Ciências Sociais do Método Quadripolar (1974)

No período matutino, o Professor Armando Malheiro proferiu uma palestra sobre uma proposta do Método Quadripolar. Este método é uma proposta baseada nos estudos de Paul de Bruyne, Jacques Herman e Marc de Schoutheete, com um olhar especial para a aplicação em pesquisas em Ciências Sociais.

Segundo o professor Armando Malheiro, este método poderá ser importante em pesquisas voltadas a sustentabilidade. O método permite aos pesquisadores a inserção de componentes da comunidade e do engajamento social, sem perder a perspectiva científica de investigação e a replicabilidade das pesquisas.

View Fullscreen

Período vespertino: Das Ciências Documentais à Ciência da Informação

No período vespertino, o professor Armando Malheiro proferiu uma palestra sobre a trajetória das ciências relacionadas ao estudo da informação. Esta trajetória permitiu aos alunos compreenderem a importância do papel do profissional da informação ao longo dos últimos 100 anos nas sociedades ocidentais.

Também foram abordadas na palestra os temas de ensino, pesquisa e extensão nas Ciências Sociais, além de traçar um paralelo entre o perfil dos profissionais latino-americano e europeu. Segundo o professor Armando Malheiro, o tema de sustentabilidade é plástico nestas áreas, já que é importante ao profissional da informação compreender as necessidades da profissão. Este profissional precisa pensar de modo crítico no desenvolvimento sustentável de suas atividades para a sociedade ao longo do tempo.

O professor destacou a importância a independência dos docentes em sala de aula, como forma de estabelecer um mecanismo de melhora do senso crítico dos discentes, bem como a incorporação de elementos de proatividade baseados em uma maior independência dos discentes. Estes mecanismos são importantes para a formação de elementos de aprendizagem que permitam aos futuros profissionais compreender melhor o cenário de sustentabilidade de sua região.

View Fullscreen
Fernando de Assis Rodrigues
Dr. Fernando de Assis Rodrigues é professor na Universidade Federal do Pará, Brasil.

Leave a Reply