Contextualização de conceitos teóricos no processo de coleta de dados de Redes Sociais Online

O uso de serviço de redes sociais on-line suscitam preocupações na forma que informações dos indivíduos são compartilhadas, como, por exemplo, a partir do processo de coleta de dados de usuários que estão armazenados nas instituições proprietárias dos serviços. O objetivo deste estudo é estabelecer uma contextualização dos conceitos envolvidos no processo de coleta de dados disponibilizados por serviços de redes sociais online, a partir da análise de conteúdo realizada em documentos de cunho técnico-operacional e nos Termos de Uso e pela exploração das características das interfaces de coleta.

Analise do uso de redes sociais como ferramenta para divulgação de conteúdos publicados em sites: um estudo do projeto de extensão CoDAF

Este trabalho tem como objetivo identificar elementos que permitam analisar a eficácia de estratégias de divulgação de um site de projeto de extensão por meio da utilização de redes sociais.

O universo de pesquisa foi delimitado a estatísticas disponíveis no site do projeto de extensão Competências Digitais para Agricultura Familiar (CoDAF) e disponíveis no gerenciamento de páginas da rede social Facebook, no período de outubro de 2014 a julho de 2015.

Uso de taxonomia sobre privacidade para identificação de atividades encontradas em termos de uso de redes sociais

O objetivo deste trabalho é explicitar, a partir dos termos de uso de redes sociais, elementos que permitam identificar possíveis atividades que apresentem efeitos potencialmente prejudiciais a privacidade, seja por agentes internos ou externos.

Para tanto, utilizou-se a Taxonomia da Privacidade de Solove para estabelecer uma categorização destas ações nos termos de uso disponibilizados pelas redes sociais, com enfoque nas diretrizes estabelecidas nestes termos sobre questões inerentes as fases de coleta e armazenamento de dados pessoais.

A construção de um modelo multidimensional de ocorrências sobre hiperlinks quebrados em sítios governamentais

A transparência das atividades dos Estados perante a sociedade é parte integrante dos novos modelos de administração pública. Entretanto, na contemporaneidade das ações de transparência das atividades dos Estados, via Tecnologias de Informação e Comunicação, apresentam-se novas preocupações, como recursos que são referenciados por hiperlinks quebrados, e, portanto não estão acessíveis à sociedade, desmotivando a consulta de dados públicos.

Este trabalho tem como objetivo estruturar, em uma topologia star scheme, os dados coletados sobre recursos informacionais referenciados por hiperlinks em sítios governamentais, porém com seus conteúdos não mais disponíveis; e apresentar como resultado tanto a construção desta estrutura, como análises iniciais destes dados.

Aspectos de encontrabilidade em ambientes informacionais digitais para Agricultura Familiar

A agricultura familiar está atraindo interesses de múltiplos atores da sociedade e compreende um conjunto de várias atividades rurais geridas e operadas por uma família e predominantemente dependentes do trabalho familiar. No Brasil, esse tipo de atividade tem um papel importante na produção de alimentos, representando 84% de todos os estabelecimentos rurais.

Ligado com a relevância do assunto, há um interesse crescente nas Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) que permeiam essas áreas, ampliando o acesso à informação pelos agricultores e trazendo benefícios para as práticas rurais e aumentando seu fator competitivo.